Jardins e Parques das Cidades

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por barrento em Dom Jan 16, 2011 11:57 am

no campo ficava com a sensação que seria uma espécie de resina que as deixava assim... talvez quem faça anilhage possa responder...
avatar
barrento

Número de Mensagens : 624
Idade : 48
Local : Alcobaça
Data de inscrição : 22/06/2007

http://www.barrento.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Rafael Matias em Dom Jan 16, 2011 4:09 pm

Este "penteado" resulta de estas aves se alimentarem de néctar de eucalipto nesta altura do ano. É mais frequente nas Phylloscopus collybita, mas também já vi várias vezes em Sylvia atricapilla e S. melanocephala. Poderá contudo não ser a única causa, mas deve ser a mais frequente.

Rafael Matias

Número de Mensagens : 369
Local : Cornwall (UK) e Amadora (PT)
Data de inscrição : 03/10/2010

http://www.flickr.com/photos/18665593@N00/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por SaraCarvalho em Dom Jan 16, 2011 4:13 pm

Bom, o jardim municipal de oeiras está cheio de eucaliptos e elas andam todas assim! Shocked
avatar
SaraCarvalho

Número de Mensagens : 537
Idade : 26
Data de inscrição : 14/09/2009

https://www.flickr.com/photos/125373178@N03/collections/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Qui Mar 03, 2011 11:59 am

Boas

pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade, a ideia era tentar ver os Garçotes e migratórias, mas acabei por ver mais umas coisas

Mergulhão pequeno
Galinha de agua (é preciso cuidado para não pisa-las)
Galeirão
Pombo torcaz
Papa moscas preto
Papa moscas cinzento
Cisne mudo
Ganso do Egipto
Pega Rabuda
Guarda rios
Felosa Musical
Felosa (se a comum ou se a ibérica não faço ideia)
Chapim carvoeiro
Chapim de poupa
Chapim Real
Pisco de Peito ruivo
Gaio
Melro
Pardal domestico
Garça Real
Estrelinha de cabeça listada
Alvelola branca
Alvelola amarela, Motacilla flava flava
Gaivota de patas amarelas
Gaivota de asas escuras
Fuinha dos juncos
Andorinhão pálido
Andorinhão preto
Toutinegra de barrete
Periquito de colar
Bico de lacre
Andorinha das chaminés
Andorinha dos beirais
Rola turca
Pato real
Garças boeiras
Trepadeira comum
Cartaxo

E quando já me ia a vir embora e sem ver o Garçote dou com um Torcicolo a alimentar-se no meio de três cisnes…

Sem duvida um local de eleição para a observação de aves, e para mais o parque tem um dos lados em comunicação com a costa, o que possibilita a observação de aves marinhas
paulo dias escreveu:
pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade,


BOAS:

ENVIO MAIS ALGUMAS OBSERVAÇOES EFECTUADAS NESTE PARQUE

- Pato-mandarim (Aix galericulata)
- Papa-ratos
- Aguia-de-asa-redonda
- PENEIREIRO
- Alveola-cinzenta
- Guincho
- Peto-real (Picus viridis)
- Carriça
- Rabirruivo
- Melro-azul
- Tordo-pinto
- Chapim-de-mascarilha
- Trepadeira-azul
- Gralha-preta
- Estorninho-preto
- Estorninho-malhado
- Tentilha
- Pintarroxo
- Pintassilgo
- Verdilhao
- Milheirinha
- Melro-azul
Resolvi recuperar este tema, hoje passei pelo Parque e observei mais 1 talvez 2 espécies

- Águia-calçada (1 ind. fase escura)
- Zarro-comum (quando cheguei a casa verifiquei que o Pedro Cardia já o tinha observado no dia anterior, fiquei com algumas duvidas em relação à sua "pureza", possui o peito castanho semelhante ao tom cabeça/pescoço).

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Qui Mar 17, 2011 11:58 am

Boas

pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade, a ideia era tentar ver os Garçotes e migratórias, mas acabei por ver mais umas coisas

Mergulhão pequeno
Galinha de agua (é preciso cuidado para não pisa-las)
Galeirão
Pombo torcaz
Papa moscas preto
Papa moscas cinzento
Cisne mudo
Ganso do Egipto
Pega Rabuda
Guarda rios
Felosa Musical
Felosa (se a comum ou se a ibérica não faço ideia)
Chapim carvoeiro
Chapim de poupa
Chapim Real
Pisco de Peito ruivo
Gaio
Melro
Pardal domestico
Garça Real
Estrelinha de cabeça listada
Alvelola branca
Alvelola amarela, Motacilla flava flava
Gaivota de patas amarelas
Gaivota de asas escuras
Fuinha dos juncos
Andorinhão pálido
Andorinhão preto
Toutinegra de barrete
Periquito de colar
Bico de lacre
Andorinha das chaminés
Andorinha dos beirais
Rola turca
Pato real
Garças boeiras
Trepadeira comum
Cartaxo

E quando já me ia a vir embora e sem ver o Garçote dou com um Torcicolo a alimentar-se no meio de três cisnes…

Sem duvida um local de eleição para a observação de aves, e para mais o parque tem um dos lados em comunicação com a costa, o que possibilita a observação de aves marinhas
paulo dias escreveu:
pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade,


BOAS:

ENVIO MAIS ALGUMAS OBSERVAÇOES EFECTUADAS NESTE PARQUE

- Pato-mandarim (Aix galericulata)
- Papa-ratos
- Aguia-de-asa-redonda
- PENEIREIRO
- Alveola-cinzenta
- Guincho
- Peto-real (Picus viridis)
- Carriça
- Rabirruivo
- Melro-azul
- Tordo-pinto
- Chapim-de-mascarilha
- Trepadeira-azul
- Gralha-preta
- Estorninho-preto
- Estorninho-malhado
- Tentilha
- Pintarroxo
- Pintassilgo
- Verdilhao
- Milheirinha
- Melro-azul
Resolvi recuperar este tema, hoje passei pelo Parque e observei mais 1 talvez 2 espécies

- Águia-calçada (1 ind. fase escura)
- Zarro-comum (quando cheguei a casa verifiquei que o Pedro Cardia já o tinha observado no dia anterior, fiquei com algumas duvidas em relação à sua "pureza", possui o peito castanho semelhante ao tom cabeça/pescoço).

Boas observações[/quote]

Tenho + 2 espécies:

- Gavião
- Pato-ferrugíneo (Tadorna ferruginea)

Observado em 25 Março 2011 +1

- Pica-pau-malhado-grande

Boas observações


Última edição por paulo dias em Sab Mar 26, 2011 7:07 pm, editado 1 vez(es)

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Gonçalo Elias em Qui Mar 17, 2011 12:33 pm

paulo dias escreveu:
- Pato-ferrugíneo (Tadorna ferruginea)

Este será fatela? Very Happy
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 17201
Idade : 49
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Simon Wates em Qui Mar 17, 2011 5:33 pm

Gonçalo Elias escreveu:
paulo dias escreveu:
- Pato-ferrugíneo (Tadorna ferruginea)

Este será fatela? Very Happy

Desculpa por interromper, mas existem alguns registos recentes desta espécie que foram comprovadas como selvagem?
avatar
Simon Wates

Número de Mensagens : 746
Idade : 55
Local : Lagos
Data de inscrição : 20/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por pedro121 em Sex Mar 18, 2011 4:25 am

Simon Wates escreveu:
Desculpa por interromper, mas existem alguns registos recentes desta espécie que foram comprovadas como selvagem?

A questão é como comprovar que é selvagem, tirando aves anilhadas de programas de anilhagem e que de para saber de onde vieram, não é possível garantir a 100%.

Mas esta questão levanta outro problema, a abordagem do CPR em relação a esta espécie é basicamente considerar que todos os indivíduos são dúbios, mas será isto correcto? Não seria melhor fazer uma análise caso a caso e se as credenciais da ave estiverem todas ok colocar essa ave em particular na categoria A? Esse é o modelo seguido lá fora em situações similares, todos são considerados culpados até prova em contrario, mas se não houver razões para suspeitar de que é uma fuga e a sua ocorrência encaixar no padrão de ocorrência esperado ou melhor ainda fizer parte de um influxo da espécies em outras zonas da Europa (no caso desta espécies em particular), essa ave em particular deveria ser promovida á categoria A, permanecendo os restantes registos dúbios na D.
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9553
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Sab Out 01, 2011 12:16 pm

B0as

paulo dias escreveu:Boas

pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade, a ideia era tentar ver os Garçotes e migratórias, mas acabei por ver mais umas coisas

Mergulhão pequeno
Galinha de agua (é preciso cuidado para não pisa-las)
Galeirão
Pombo torcaz
Papa moscas preto
Papa moscas cinzento
Cisne mudo
Ganso do Egipto
Pega Rabuda
Guarda rios
Felosa Musical
Felosa (se a comum ou se a ibérica não faço ideia)
Chapim carvoeiro
Chapim de poupa
Chapim Real
Pisco de Peito ruivo
Gaio
Melro
Pardal domestico
Garça Real
Estrelinha de cabeça listada
Alvelola branca
Alvelola amarela, Motacilla flava flava
Gaivota de patas amarelas
Gaivota de asas escuras
Fuinha dos juncos
Andorinhão pálido
Andorinhão preto
Toutinegra de barrete
Periquito de colar
Bico de lacre
Andorinha das chaminés
Andorinha dos beirais
Rola turca
Pato real
Garças boeiras
Trepadeira comum
Cartaxo

E quando já me ia a vir embora e sem ver o Garçote dou com um Torcicolo a alimentar-se no meio de três cisnes…

Sem duvida um local de eleição para a observação de aves, e para mais o parque tem um dos lados em comunicação com a costa, o que possibilita a observação de aves marinhas
paulo dias escreveu:
pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade,


BOAS:

ENVIO MAIS ALGUMAS OBSERVAÇOES EFECTUADAS NESTE PARQUE

- Pato-mandarim (Aix galericulata)
- Papa-ratos
- Aguia-de-asa-redonda
- PENEIREIRO
- Alveola-cinzenta
- Guincho
- Peto-real (Picus viridis)
- Carriça
- Rabirruivo
- Melro-azul
- Tordo-pinto
- Chapim-de-mascarilha
- Trepadeira-azul
- Gralha-preta
- Estorninho-preto
- Estorninho-malhado
- Tentilha
- Pintarroxo
- Pintassilgo
- Verdilhao
- Milheirinha
- Melro-azul
Resolvi recuperar este tema, hoje passei pelo Parque e observei mais 1 talvez 2 espécies

- Águia-calçada (1 ind. fase escura)
- Zarro-comum (quando cheguei a casa verifiquei que o Pedro Cardia já o tinha observado no dia anterior, fiquei com algumas duvidas em relação à sua "pureza", possui o peito castanho semelhante ao tom cabeça/pescoço).

Boas observações

+ 2 espécies

- Andorinha-do-mar-comum
- Pato-mudo (uns fatelões)

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Sab Out 01, 2011 12:37 pm

Boas:
pedro121 escreveu:
Simon Wates escreveu:
Desculpa por interromper, mas existem alguns registos recentes desta espécie que foram comprovadas como selvagem?

A questão é como comprovar que é selvagem, tirando aves anilhadas de programas de anilhagem e que de para saber de onde vieram, não é possível garantir a 100%.

Mas esta questão levanta outro problema, a abordagem do CPR em relação a esta espécie é basicamente considerar que todos os indivíduos são dúbios, mas será isto correcto? Não seria melhor fazer uma análise caso a caso e se as credenciais da ave estiverem todas ok colocar essa ave em particular na categoria A? Esse é o modelo seguido lá fora em situações similares, todos são considerados culpados até prova em contrario, mas se não houver razões para suspeitar de que é uma fuga e a sua ocorrência encaixar no padrão de ocorrência esperado ou melhor ainda fizer parte de um influxo da espécies em outras zonas da Europa (no caso desta espécies em particular), essa ave em particular deveria ser promovida á categoria A, permanecendo os restantes registos dúbios na D.

Recupero este tema e questiono se ainda vale a pena enviar registos desta espécie para o CPR, já que não há parque/jardim urbano que não tenha um para decoração (no P. Cidade do Porto continua lá um ind.). Sem querer levantar ondas neste caso especifico e tendo em conta o nº elevado de indivíduos será realista esperar um melhor tratamento de info. por parte do CPR. Já agora alguém tem conhecimento que possa partilhar sobre o historial desta espécie (Pato-ferrugíneo) em Portugal.

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Gonçalo Elias em Sab Out 01, 2011 12:54 pm

paulo dias escreveu:Já agora alguém tem conhecimento que possa partilhar sobre o historial desta espécie (Pato-ferrugíneo) em Portugal.

Já consultaste o "Aves de Portugal"? Very Happy
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 17201
Idade : 49
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Sab Out 01, 2011 1:42 pm

Boas
Gonçalo Elias escreveu:
paulo dias escreveu:Já agora alguém tem conhecimento que possa partilhar sobre o historial desta espécie (Pato-ferrugíneo) em Portugal.

Já consultaste o "Aves de Portugal"? Very Happy

Tive esse cuidado study ,mas reli mais atentamente e o que posso concluir é que oficialmente esta espécie no estado selvagem deixou de ser observada entre 1949 (possível data + tardia) e 1991 (1º registo oficial na era "moderna"), certo.
Mas qual a explicação para esta "explosão" de observações nos últimos anos (selvagens ou não)??

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Flávio Oliveira em Sab Out 01, 2011 2:06 pm

Viva,

não tinha conhecimento deste tópico, acho-o muito interessante.
Já agora aproveito para dar a minha contribuição para a lista do PARQUE DA CIDADE do Porto, observadas hoje precisamente.

- chasco cinzento

- narceja comum

- colhereiro (2 juvenis)

- toutinegra-de-cabeça-preta


Última edição por Flávio Oliveira em Sab Out 01, 2011 2:11 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Flávio Oliveira

Número de Mensagens : 463
Idade : 37
Local : Maia
Data de inscrição : 11/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Gonçalo Elias em Sab Out 01, 2011 2:07 pm

paulo dias escreveu:
Tive esse cuidado study ,mas reli mais atentamente e o que posso concluir é que oficialmente esta espécie no estado selvagem deixou de ser observada entre 1949 (possível data + tardia) e 1991 (1º registo oficial na era "moderna"), certo.
Mas qual a explicação para esta "explosão" de observações nos últimos anos (selvagens ou não)??

Bem, há vários aspectos a considerar:

- primeiro, a "explosão" mais significativa foi no número de observadores - mais olhos, logo mais registos
- segundo, a partilha de informações na net deu muito mais visibilidade aos registos recentes
- terceiro, nas décadas de 1950 e 1960 quase não havia observadores em Portugal (os poucos que havia estavam concentrados localmente, por exemplo a SPO no Porto) e a informação recolhida era sobretudo de âmbito local - para uma grande parte do país, particularmente no sul e numa grande parte do centro, não havia qualquer informação
- quarto, porque muitos observadores possivelmente não viam qualquer relevância na compilação de informações.
- quinto, mesmo quando começaram a aparecer mais observadores e registos, era "proibido" publicar esses registos em revistas oficiais sem a validação do CIR - mais tarde CPR - o que levou a que alguns registos se perdessem por não serem submetidos.

Estes e possivelmente outros motivos poderão ajudar a explicar essa aparente ausência da espécie de 1950 a 1990.

Claro que se pode especular que a espécie teria sido rara nas décadas citadas, contudo essa hipótese oferece-m dúvidas: há que ter em conta que por essa época a presença da espécie como invernante era regular nas marismas do Guadalquivir (Doñana), onde se chegavam a contar centenas de aves no Inverno, presumivelmente oriundas de Marrocos - no ano de 1962, por exemplo, foram lá contados 500 indivíduos. Face a estes dados, não me surpreenderia que tivesse havido uma presença regular, não detectada, desta espécie no Algarve, por exemplo, onde contudo o número de observadores foi muito escasso até meados da década de 1980.

1 abraço,
Gonçalo
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 17201
Idade : 49
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Flávio Oliveira em Sab Out 01, 2011 2:21 pm

Flávio Oliveira escreveu:Viva,

não tinha conhecimento deste tópico, acho-o muito interessante.
Já agora aproveito para dar a minha contribuição para a lista do PARQUE DA CIDADE do Porto, observadas hoje precisamente.

- chasco cinzento

- narceja comum

- colhereiro (2 juvenis)

- toutinegra-de-cabeça-preta

Fui ver os registos mais antigos e encontrei mais uma para acrescentar:

- corvo marinho de faces brancas (5-2-2011, no Inverno costumam dar por lá uma volta ao início da manhã)
avatar
Flávio Oliveira

Número de Mensagens : 463
Idade : 37
Local : Maia
Data de inscrição : 11/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Sab Out 01, 2011 2:46 pm

Boas
Gonçalo Elias escreveu:
paulo dias escreveu:
Tive esse cuidado study ,mas reli mais atentamente e o que posso concluir é que oficialmente esta espécie no estado selvagem deixou de ser observada entre 1949 (possível data + tardia) e 1991 (1º registo oficial na era "moderna"), certo.
Mas qual a explicação para esta "explosão" de observações nos últimos anos (selvagens ou não)??

Bem, há vários aspectos a considerar:

.... número de observadores foi muito escasso até meados da década de 1980.

1 abraço,
Gonçalo

Obrigado Gonçalo, por vezes esqueço as grandes transformações nas ultimas décadas em Portugal (apesar de tudo) e no mundo orni em especial.

Flávio Oliveira escreveu:
Flávio Oliveira escreveu:Viva,

não tinha conhecimento deste tópico, acho-o muito interessante.
Já agora aproveito para dar a minha contribuição para a lista do PARQUE DA CIDADE do Porto, observadas hoje precisamente.

- chasco cinzento

- narceja comum

- colhereiro (2 juvenis)

- toutinegra-de-cabeça-preta

Fui ver os registos mais antigos e encontrei mais uma para acrescentar:

- corvo marinho de faces brancas (5-2-2011, no Inverno costumam dar por lá uma volta ao início da manhã)

Curiosamente já tinha observadas estas espécies com excepção do colhereiro.

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Flávio Oliveira em Sab Jan 21, 2012 12:22 pm

PARQUE DE SERRALVES, Porto

21 de Janeiro de 2012, numa pequena visita matinal:


- Pombo doméstico
- Pombo torcaz
- Rola turca
- Periquito rabijunco
- Alvéola branca
- Estorninho preto
- Gaio
- Toutinegra de barrete
- Toutinegra dos valados
- Felosa comum
- Rabirruivo
- Pisco de peito ruivo
- Melro
- Chapim preto
- Chapim real
- Trepadeira comum
- Tentilhão
- Verdilhão

Talvez dos melhores locais no Grande Porto para ver Trepadeira comum!
avatar
Flávio Oliveira

Número de Mensagens : 463
Idade : 37
Local : Maia
Data de inscrição : 11/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Flávio Oliveira em Sab Fev 04, 2012 3:51 pm

paulo dias escreveu:B0as

paulo dias escreveu:Boas

pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade, a ideia era tentar ver os Garçotes e migratórias, mas acabei por ver mais umas coisas

Mergulhão pequeno
Galinha de agua (é preciso cuidado para não pisa-las)
Galeirão
Pombo torcaz
Papa moscas preto
Papa moscas cinzento
Cisne mudo
Ganso do Egipto
Pega Rabuda
Guarda rios
Felosa Musical
Felosa (se a comum ou se a ibérica não faço ideia)
Chapim carvoeiro
Chapim de poupa
Chapim Real
Pisco de Peito ruivo
Gaio
Melro
Pardal domestico
Garça Real
Estrelinha de cabeça listada
Alvelola branca
Alvelola amarela, Motacilla flava flava
Gaivota de patas amarelas
Gaivota de asas escuras
Fuinha dos juncos
Andorinhão pálido
Andorinhão preto
Toutinegra de barrete
Periquito de colar
Bico de lacre
Andorinha das chaminés
Andorinha dos beirais
Rola turca
Pato real
Garças boeiras
Trepadeira comum
Cartaxo

E quando já me ia a vir embora e sem ver o Garçote dou com um Torcicolo a alimentar-se no meio de três cisnes…

Sem duvida um local de eleição para a observação de aves, e para mais o parque tem um dos lados em comunicação com a costa, o que possibilita a observação de aves marinhas
paulo dias escreveu:
pedro121 escreveu:Bom dia

Tive que me deslocar ao Porto por motivos profissionais na semana passada e nos intervalos fui dar uns saltos ao Parque da Cidade,


BOAS:

ENVIO MAIS ALGUMAS OBSERVAÇOES EFECTUADAS NESTE PARQUE

- Pato-mandarim (Aix galericulata)
- Papa-ratos
- Aguia-de-asa-redonda
- PENEIREIRO
- Alveola-cinzenta
- Guincho
- Peto-real (Picus viridis)
- Carriça
- Rabirruivo
- Melro-azul
- Tordo-pinto
- Chapim-de-mascarilha
- Trepadeira-azul
- Gralha-preta
- Estorninho-preto
- Estorninho-malhado
- Tentilha
- Pintarroxo
- Pintassilgo
- Verdilhao
- Milheirinha
- Melro-azul
Resolvi recuperar este tema, hoje passei pelo Parque e observei mais 1 talvez 2 espécies

- Águia-calçada (1 ind. fase escura)
- Zarro-comum (quando cheguei a casa verifiquei que o Pedro Cardia já o tinha observado no dia anterior, fiquei com algumas duvidas em relação à sua "pureza", possui o peito castanho semelhante ao tom cabeça/pescoço).

Boas observações

+ 2 espécies

- Andorinha-do-mar-comum
- Pato-mudo (uns fatelões)

Boas observações

Hoje vi mais uma espécie para acrescentar a esta lista:

- Pato colhereiro
avatar
Flávio Oliveira

Número de Mensagens : 463
Idade : 37
Local : Maia
Data de inscrição : 11/09/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Ter Fev 28, 2012 9:08 am

Matosinhos - Parque do Carriçal

Ontem declarei oficialmente o inicio da PRIMAVERA. Estava uma tarde solarenga e a passarada num frenesim. Este pequeno jardim atravessado pela Ribª da Riguinha (vizinho da igreja da Srª da Hora - NorteShopping) densamente arvorizado onde predomina o pinheiro-manso, eucalipto e carvalhos com sobreiros, salgueiros e até azevinhos. Na entrada fui presenteado por cerejeiras em flôr (ou talvez não) possui um pequeno lago e algumas pontes de madeira para além de uma simpática esplanada anexa á piscina.

- Pisco-de-peito-ruivo
- Rola-turca
- Pega
- Carriça
- Trepadeira-comum
- Felosa-comum
- Pardal-comum
- Melro
- Chapim-azul
- Chapim-real
- Chapim-carvoeiro
- Gaivota-de-patas-amarelas (altos vôos)
- Gaio
- Pombo-torcaz
- Toutinegra-de-barrete-preto




Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por sérgio moreira em Ter Fev 28, 2012 2:11 pm

Boas, não tinha visto este tópico, é interessante.
Contribuo aqui para o parque da cidade da Póvoa de Varzim
Esta lista não é referente a este ano , mas sim desde que lá vou.
Algumas aves apenas as vi em voo, ex: Ibis-preta
Aqui vai:
Abibe
Águia-de-asa-redonda
Alvéola-amarela
Alvéola-branca
Alvéola-cinzenta
Andorinha-dos-beirais
Andorinha-das-chaminés
Andorinha-das-barreiras
Andorinha-daurica
Bico-de-lacre
Carriça
cartaxo-nortenho
Cartaxo-comum
chapim-azul
Chapim-carvoeiro
chapim-real
Chasco-cinzento
corvo-marinho
Estorninho-malhado
Estorninho-preto
Famego
Felosa-dos-juncos
Felosa-musical
Felosa-poliglota
Felosinha
Ferreirinha-comum
Frisada
Fuinha-dos-juncos
Fuselo
Gaivina-preta
Gaivota-de-asa-escura
Gaivota-de-bico-riscado
Gaivota-de-cabeça-preta
Gaivota-patas-amarelas
Galeirão
Galinha-d'água
Ganso-do-egipto
Garça-boieira
Garça-branca-grande
Garça-branca-pequena
Garça-real
Guarda-rios
Guincho
Ibis-preta
Laverca
Maçarico-bastardo
Maçarico-das-rochas
Marrequinha-comum
Melro-preto
Mergulhão-pequeno
Milheirinha
Narceja-comum
Papa-amoras
Papa-moscas-cinzento
Papa-moscas-preto
Pardal-Comum
Pato-de-bico-vermelho
Pato-real
Pato-trompeteiro
Pêga-rabuda
Peneireiro-vulgar
Perna-vermelha-comum
Petinha-dos-prados
Peto-verde
Piadeira
Pilrito-comum
Pintaroxo
Pintassilgo
Pisco-de-peito-ruivo
Rabiruivo
Rola-brava
Rola-turca
Rouxinol-bravo
Tarambola-Dourada
Tentilhão-comum
Torcicolo
Tordo-pinto
Tordo-ruivo
Toutinegra-das-figueiras
Toutinegra-de-barrete
Toutinegra-de-cabeça-preta
Trigueirão
Verdilhão
Zarro-negrinha


Boas observações.


Última edição por sérgio moreira em Qua Fev 29, 2012 1:12 pm, editado 1 vez(es)
avatar
sérgio moreira

Número de Mensagens : 121
Data de inscrição : 19/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por alcedo em Ter Fev 28, 2012 3:25 pm

Lista IMPRESSIONANTE, não vi metade mas eu ando sempre distraído. Laughing Só tenho para acrescentar, que me lembre para já, a gralha preta,poupa e maçaricos galegos que se observam em voo normalmente entre 15 de Abril e 15 de Maio e pousavam nos campos por ali quando coincidia a migração com ventos fortes de Norte.
É curioso que a mais antiga referência à fauna ornitológica da Póvoa escrito pelo Tenente Veiga Leal em meados do século XVIII, refere a existência de uma lagoa, que se formava no Inverno, na freguesia de Amorim aonde chegavam muitas aves de arribação o que atraia caçadores de longe. Outro aspecto curioso é que o ribeiro que atravessa o Parque se chama Ribeiro Garceiro.
avatar
alcedo

Número de Mensagens : 2230
Idade : 56
Local : Póvoa de Varzim
Data de inscrição : 02/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por sérgio moreira em Ter Fev 28, 2012 3:48 pm

Alcedo, entretanto lembrei-me de outro, mas não tenho qualquer registo fotográfico, um gavião...
se a zona das "pedreiras também contasse, acrescentava mais algumas espécies!! Smile
Já são 3 anos que vou lá, ainda hoje observei uma ave que não tenho a certeza de ser um maçarico-de-bico-direito ou um fuselo... tenho que ver melhor Shocked ...
avatar
sérgio moreira

Número de Mensagens : 121
Data de inscrição : 19/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por alcedo em Ter Fev 28, 2012 3:54 pm

Tens razão os gaviões fazem umas sortidas por lá e há um mês apareceu um macho morto num quintal de Amorim bastante próximo do Parque, vieram-me logo dizer que era a peneireira que tinha sido libertada Fiquei igualmente com pena.
Penso que é licito incluir a zona das pedreiras pois está prevista a expansão do Parque até lá
avatar
alcedo

Número de Mensagens : 2230
Idade : 56
Local : Póvoa de Varzim
Data de inscrição : 02/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por sérgio moreira em Ter Fev 28, 2012 4:05 pm

Assim de repente:
Tartaranhão-ruivo-dos-pauis
Rouxinol-pequeno-dos-caniços
Faisão
Rabiruivo-de-testa-branca
Noitibó-cinzento
Mocho-galego
Codorniz
Perdiz-vermelha
Não tenho registos fotográficos das últimas 4 espécies...
avatar
sérgio moreira

Número de Mensagens : 121
Data de inscrição : 19/10/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por paulo dias em Qua Fev 29, 2012 10:23 am

Boas
Quero dar os parabéns a ambos pela longa,longa lista (algo me diz que foi fruto de inúmeras saídas e muitas horas de campo). Num passado recente passei pelo local mas não cheguei a explorar, não me pareceu apetecível (enorme descampado relvado com um lago) e andei pela pedreira (lago artificial junto da Clípovoa) e terrenos agrícolas adjacentes.
P.S. Algumas espécies ainda não consta da minha "colecção de cromos", dá vontade de dar uma saltada ao local.

Boas observações

paulo dias

Número de Mensagens : 700
Data de inscrição : 18/10/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jardins e Parques das Cidades

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum