Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Paulo Lemos em Qua Jan 04, 2017 2:14 pm

noitibó da Europa

Os juvenis de ambos os sexos não têm espelhos e são normalmente melhor observáveis e mais abundantes do que as fêmeas.
Convém referir esse detalhe das crias, senão a malta que pesquisa no site, orienta-se no campo contando fêmeas a "dar com um pau" Very Happy.


andorinhão-real

Pessoalmente, distingo esta espécie ao parecer ter as pontas das asas "rombas" quando em voo (ilusão devido a serem compridas e não estreitarem tanto para a ponta). Esta característica é o 1º "pormenor base" convidativo a seguir a ave até se confirmar a ID com uma melhor ou mais próxima visualização. O tamanho também, e os movimentos, junto com a forma referida. O branco nem sempre se nota conta-luz ou à distancia.
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1102
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Rui Figueiredo em Qui Jan 05, 2017 5:15 am

Semana 2-8 janeiro 2017
Noitibó da Europa

Substituir “tambem” por “também” na parte da identificação entre parênteses da segunda frase
Retirar um ponto final após Santo André nos locais onde observar no Alentejo

Noitibó de nuca vermelha
Substituir “Tras-os-Montes” por “Trás-os-Montes” no onde observar

Andorinhão de rabo espinhoso
Nada a apontar

Andorinhão preto
Colocar link para a página do andorinhão pálido na parte da Identificação
Colocar link para a página do Corno do Bico no Onde observar

Andorinhão pálido
O link para Lisboa não abre a página de Lisboa mas sim um site autónomo sobre as aves de Lisboa

Andorinhão real
Retirar “são” antes de “nas falésias da Nazaré” no onde observar no litoral centro.

Andorinhão cafre
Penso que devem ser alterados os tempos verbais deste parágrafo: “As observações desta espécie encontram-se sujeitas a homologação pelo Comité Português de Raridades desde 1995, embora durante alguns anos essa homologação não tenha sido exigida no concelho de Mértola. A partir de Janeiro de 2011 os registos desta espécie estarão dispensados de homologação.”
Para: “As observações desta espécie encontravam-se sujeitas a homologação pelo Comité Português de Raridades desde 1995, embora durante alguns anos essa homologação não tenha sido exigida no concelho de Mértola. A partir de Janeiro de 2011 os registos desta espécie estão dispensados de homologação.” Não se isto está dependente da saída dos anuários...
Substituir “Anuario” por “Anuário” na seguinte observação: 2007, 4-Jun, Alcaria Ruiva (Mértola), CC Moore (Anuario 7)

Andorinhão pequeno
Colocar links para os locais nas seguintes observações:
1997, 3-Out, Sagres, S Axel, S Goethals (Pardela 11)
1998, 13-Jun, Santana de Cambas, Mértola, G Elias, H Campos, M Santos (Pardela 11)
1999, 4-Jul, Barbacena, Elvas, G Elias (Anuário 1)

Rui Figueiredo

Número de Mensagens : 222
Local : Lisboa/Porto/Faro
Data de inscrição : 05/09/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Qui Jan 05, 2017 8:37 am

pedro121 escreveu:Peço desculpa pelo atraso, mas devido aos vários acontecimentos dos últimos dias espero que seja perdoado.

Sem problemas, eu próprio me atrasei a colocar a lista de espécies desta semana e da semana passada. O importante é que as situações sejam devidamente identificadas e corrigidas.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Seg Jan 09, 2017 4:03 am

Com as festas natalícias esqueci-me de colocar aqui a lista no domingo dia 25. Como já vamos em quarta-feira apresento um conjunto mais reduzido de espécies.


Semana de 9 a 15 de Janeiro - Strigiformes e Coraciiformes

Ordem Strigiformes
coruja-das-torres
mocho-d'orelhas
bufo-real
mocho-galego
coruja-do-mato
bufo-pequeno
coruja-do-nabal
coruja-moura (categoria B)

Ordem Coraciiformes
guarda-rios
abelharuco
abelharuco-persa
rolieiropoupa

Total de páginas desta semana = 13
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Seg Jan 09, 2017 5:47 am

Andorinhão-cafre Apus caffer: Já não nidifica nas portas há alguns anos
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Rui Figueiredo em Seg Jan 09, 2017 11:04 am

O meu contributo para esta semana

Semana 9 janeiro

Coruja das torres
Substituir “resgtada” por “registada” no onde observar – Lisboa e Vale do Tejo

Mocho pequeno d´orelhas
Nada a apontar

Bufo real
Colocar o link para a Rocha da Pena no onde observar no Algarve

Mocho Galego
Colocar o link para a Rocha da Pena no onde observar no Algarve

Coruja do mato
Falta um espaço na parte da Identificação na frase: “… bufo pequeno e da coruja-do-nabal.O seu canto”
Substituir um ponto final por uma vírgula a seguir a “Gerês” no onde observar no Entre Douro e Minho.
Substituir um ponto final por uma vírgula a seguir a “Madriz” no Litoral centro
Substituir “no” por “na” antes de Tapada da Ajuda em Lisboa
O link do Estuário do Tejo no onde observar não funciona

Bufo pequeno
Nada a apontar

Coruja do nabal
Colocar xeno canto?

Coruja moura
Nada a apontar

Guarda rios
Falta um espaço no início do onde observar no Algarve a seguir ao traço

Abelharuco
Substituir “na” por “nas” antes de Vilar Formoso no onde observar na Beira Interior
Os vídeos não funcionam

Abelharuco persa
Nada a apontar

Poupa
Um espaço a mais antes da vírgula depois de Vilar Formoso no onde observar na beira interior

Rolieiro
Um espaço a mais no onde observar na beira interior a seguir ao traço.
Os links do estuário do tejo e da ponta da erva estão trocados
Retirar o D maiúsculo em “durante” no onde observar no Algarve

Rui Figueiredo

Número de Mensagens : 222
Local : Lisboa/Porto/Faro
Data de inscrição : 05/09/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Paulo Lemos em Seg Jan 09, 2017 3:39 pm

Informação que poderá interessar:

Coruja das torres

Acrescentaria no "ocorre frequentemente": pedreiras (quase omnipresente se há buracos) e grutas (se o Homem não as "monopoliza" expulsando-as). Também nidifica em buracos de grandes árvores, não associada rocha ou edifícios (em espaços florestais semi-abertos, parques, cidades, bermas de estradas com plátanos sobretudo).
No Parque das Caldas por exemplo, sempre criaram corujas das torres também em plátano, havendo pelo menos mais outro casal em edifício, perto.


Bufo real
Entre "dia" e "noite" há o crepúsculo (de manhã cedo também, mas sobretudo antes do escurecer) quando está muito activo nas imediações das zonas onde descansa, antes ou depois de se alargar mais no espaço durante a noite às vezes em povoações e bastante nos subúrbios (onde há mais ratazanas, ouriços e coelhos). Cada vez menos temerário em todas as 24h, portanto o numero de observações tem aumentado (a malta das bikes confirma isto muito bem, em pleno dia ainda).
No Litoral Centro já se coloca esta pergunta: "Onde pode não encontrar-se"?

Mocho-galego

Espécie muito presente em pedreiras, onde quer eu as explorasse até hoje. Por vezes nidifica alto.


Bufo-pequeno

Esta espécie foi, até há pelo menos 15 anos, abundante em várias regiões do Litoral Oeste. Por exemplo na faixa costeira (15km ao mar) entre Peniche e Nazaré nidificava numero superior a 20 casais, cujos territórios se sobrepunham muitas vezes.
Poderá ter sido assim por outras zonas de ecologia semelhante, no país.
Já houve 5 casais nidificantes em simultâneo "em redor" das Caldas da Rainha (mesmo colados à cidade ou na mesma).
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1102
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Seg Jan 16, 2017 7:15 am

Bufo-Real "Litoral centro – pode ser encontrado nas serras
de Aire e Candeeiros e na serra da Freita,
embora seja bastante raro na região."

A espécie não é rara em algumas zonas do litoral centro, sendo até localmente comum.

Bufo-pequeno Asio otus: no onde observar, alterar basicamente tudo, para reflectir o maior conhecimento actualmente existente sobre esta especie. nomeadamente que cria em Pancas, inverna na ponta da erva com regularidade, etc

Coruja-do-nabal Asio flammeus: no litoral centro ela é uma invernante regular e localizada, na muraceira por exemplo, ou em Peniche e na lagoa de obidos. Tambem é vista em migração no cabo carvoeiro, e ocorre frequentemente nas berlengas

Rolieiro Coracias garrulus: referir os registos anuais em salreu na migração pós nupcial
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por patriciaeluis em Seg Jan 16, 2017 11:04 am

pedro121 escreveu:
Coruja-do-nabal Asio flammeus: no litoral centro ela é uma invernante regular e localizada, na muraceira por exemplo, ou em Peniche e na lagoa de obidos. Tambem é vista em migração no cabo carvoeiro, e ocorre frequentemente nas berlengas

Ocorre também com alguma frequência em Salreu e Murtosa

Coruja-do-mato Strix aluco: Posso estar errado mas neste momento acho que não faz muito sentido dizer:
"sendo mais frequente na metade sul do país" cada vez existem mais registo da espécie a Norte.



avatar
patriciaeluis

Número de Mensagens : 1126
Data de inscrição : 13/01/2013

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Ter Jan 17, 2017 1:52 am

Semana de 16 a 22 de Janeiro - grous, galeirões, abetardas e afins

Ordem Gruiformes
frango-d'água
franga-d'água-grande
franga-d'água-bastarda
franga-d'agua-pequena
codornizão
galinha-d'água
caimão-de-allen
caimão-americano
caimão-comum
galeirão-comum
galeirão-americano
galeirão-de-crista
toirão (categoria B)
grou-comum
grou-pequeno  (categoria D)
sisão
abetarda

Total de páginas desta semana = 17
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por PNicolau em Ter Jan 17, 2017 3:38 am

Mocho-galego:
Sem dúvida que toda a zona de Tavira é excelente para a espécie. Pode haver outras zonas igualmente boas, mas não é raro contar mais de 10 indivíduos numa saída, dar com aves a piar às 11 da manhã ou encontrar aves no meio da vila a caçar baratas que quase deixam que se lhes toque. Sem dúvida que é um local a mencionar.

Bufo-pequeno:
Parece ser relativamente abundante na zona do "baixo Vale do Tejo", com registos no Parque do Tejo, Bobadela (casal nidificante), Vila Franca de Xira e provavelmente outros.

Sisão:
Não diria que pode ser visto unicamente na Ponta da Erva, já observei aves a Norte, na lezíria mais para o lado de Benavente. Por isso diria antes Lezírias do Tejo, como é o caso da Ponta da Erva.
avatar
PNicolau

Número de Mensagens : 4483
Idade : 22
Local : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Rui Figueiredo em Ter Jan 17, 2017 10:04 am

Semana 16 janeiro

Frango de água
Substituir “besta” por “nesta” no onde observar no Litoral Centro
Substituir “vale” por “Vale” no onde observar Lisboa
Substituir “tambem” por “também” no onde observar Lisboa e Vale do Tejo
Colocar um link para a Ria de Aveiro no Onde observar no Litoral Centro
O link para o Ludo vai ter à página do perna verde comum

Franga d`água grande
Nada a apontar

Franga d`água bastarda
Colocar link para o Paul de Lagos na observação de 2015

Franga d`água pequena

Nada a apontar

Codornizão
Colocar uma foto
Substituir “anonimo” por “anónimo

Galinha d`água
Substituir “Sao” por “São” no onde observar Entre Douro e Minho relativo à Veiga de São Simão
Substituir “especie” por “espécie” e “tambem” por “também” no onde observar no Litoral Centro
Colocar link para a Veiga de São Simão (estuário do Lima e Veiga de São Simão)

Caimão de Allen
Colocar foto se possível
Infracaudais ou infra-caudais Na parte da identificação?

Caimão americano
Nada a apontar

Caimão
Infracaudais ou infra-caudais Na parte da identificação?

Galeirão comum
Nada a apontar

Galeirão americano
Infracaudais ou infra-caudais Na parte da identificação?

Galeirão de crista
Substituir “Outras” por “Outros” na segunda frase da Identificação
Faltam os links para os locais (ribeira das enguias, lagoa dos salgados e paul do boquilobo) nos outros registos de 2016

Toirão
Nada a apontar

Grou comum
Nada a apontar

Grou pequeno
O link para o grou comum não funciona (encaminha para a página do grou pequeno)
Colocar foto?

Sisão
Substituir “planicies” por “planícies” na primeira frase
Substituir “poucos” por “pouco” na primeira frase da parte da Abundância e calendário
Substituir “especie” por “espécie” e “varias” por “várias” na última frase da parte da Abundância e calendário
As ligações para links externos (life esteparias e life sisão não funcionam)

Abetarda
Os links externos não funcionam

Boas observações!

Rui Figueiredo

Número de Mensagens : 222
Local : Lisboa/Porto/Faro
Data de inscrição : 05/09/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Ter Jan 17, 2017 12:11 pm

Tive alguns problemas com o programa de edição do site, o que me impediu de fazer actualizações nos prazos previstos.

Estes problemas estão ultrapassados e pude finalmente retomar as correcções, hoje estive a fazer as alterações referentes à semana de 2 a 8 de Janeiro (noitibós e andorinhões), aqui ficam algumas notas:

Paulo Lemos escreveu:andorinhão-real
Pessoalmente, distingo esta espécie ao parecer ter as pontas das asas "rombas" quando em voo (ilusão devido a serem compridas e não estreitarem tanto para a ponta). Esta característica é o 1º "pormenor base" convidativo a seguir a ave até se confirmar a ID com uma melhor ou mais próxima visualização. O tamanho também, e os movimentos, junto com a forma referida. O branco nem sempre se nota conta-luz ou à distancia.

Entendo o raciocínio mas eu acho sempre o branco bastante fácil de ver e considero a característica principal de identificação, creio que neste caso não valerá a pena complicar.

Rui Figueiredo escreveu:
Andorinhão pálido
O link para Lisboa não abre a página de Lisboa mas sim um site autónomo sobre as aves de Lisboa

É intencional, o site de Lisboa tem muito mais detalhe e a própria página de Lisboa remete para lá.

pedro121 escreveu:Andorinhão-cafre Apus caffer: Já não nidifica nas portas há alguns anos

Isso é certo? Tem havido prospecção direccionada todos os anos?
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por PNicolau em Ter Jan 17, 2017 12:31 pm

Os andorinhões-cafre nidificaram recentemente na Faia Brava, talvez fosse de referir no site.
Há um registo de 2016 da espécie nas Portas de Ródão por isso...

Quanto à ocorrência no Algarve, eu referiria a parte norte dos concelhos de Tavira, Alcoutim e Castro Marim.
avatar
PNicolau

Número de Mensagens : 4483
Idade : 22
Local : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Ter Jan 17, 2017 1:28 pm

PNicolau escreveu:Os andorinhões-cafre nidificaram recentemente na Faia Brava, talvez fosse de referir no site.

Gostaria de saber se são regulares na zona, isso é relevante para decidir em que termos a zona deve ser mencionada.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por PNicolau em Ter Jan 17, 2017 3:37 pm

Gonçalo Elias escreveu:
PNicolau escreveu:Os andorinhões-cafre nidificaram recentemente na Faia Brava, talvez fosse de referir no site.

Gostaria de saber se são regulares na zona, isso é relevante para decidir em que termos a zona deve ser mencionada.
Mas alertar para a potencial presença da espécie no local não é também relevante?
Tipo: "Há um registo recente de nidificação confirmada na Faia Brava, desconhecendo-se porém se a espécie é/virá a ser regular na área."

Até porque tens lá todos os registos homologados da espécie. Este é particularmente recente e de nidificação confirmada, por isso é bastante relevante para mim.
avatar
PNicolau

Número de Mensagens : 4483
Idade : 22
Local : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Ter Jan 17, 2017 3:59 pm

PNicolau escreveu:
Gonçalo Elias escreveu:
PNicolau escreveu:Os andorinhões-cafre nidificaram recentemente na Faia Brava, talvez fosse de referir no site.

Gostaria de saber se são regulares na zona, isso é relevante para decidir em que termos a zona deve ser mencionada.
Mas alertar para a potencial presença da espécie no local não é também relevante?
Tipo: "Há um registo recente de nidificação confirmada na Faia Brava, desconhecendo-se porém se a espécie é/virá a ser regular na área."

Até porque tens lá todos os registos homologados da espécie. Este é particularmente recente e de nidificação confirmada, por isso é bastante relevante para mim.

De acordo.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Qua Jan 18, 2017 2:09 am

Gonçalo Elias escreveu:

pedro121 escreveu:Andorinhão-cafre Apus caffer: Já não nidifica nas portas há alguns anos

Isso é certo? Tem havido prospecção direccionada todos os anos?

Tem havido sim, especialmente em 2011 e 2012. Agora é provável que criem perto já que isso está indicado no eBird, o que eu tenho notado nas ultimas visitas ao local é que há menos dauricas do que há alguns anos. Portanto talvez mudar o texto. Mesmo porque o que pode acontecer é um casal criar alguns anos num local, mas depois com a morte de um deles o local ser abandonado, digo isto porque normalmente eles não criam em colónias grandes como os outros andorinhões, é mais casais isolados, ou pequenas colónias.
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Qua Jan 18, 2017 5:12 am

Certo, vou alterar, mas tenho apenas uma dúvida: tenho ideia de ter lido que eles criavam na porta sul, mas a zona mais prospectada é na porta norte... será que isso e suficiente?
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Qua Jan 18, 2017 5:28 am

Gonçalo Elias escreveu:Certo, vou alterar, mas tenho apenas uma dúvida: tenho ideia de ter lido que eles criavam na porta sul, mas a zona mais prospectada é na porta norte... será que isso e suficiente?

Eu estive na porta sul varias vezes para os ver.... nicles. Sad Sad
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Paulo Lemos em Qua Jan 18, 2017 11:50 pm

PNicolau escreveu:
Bufo-pequeno:
Parece ser relativamente abundante na zona do "baixo Vale do Tejo", com registos no Parque do Tejo, Bobadela (casal nidificante), Vila Franca de Xira e provavelmente outros.

Esta espécie está presente, como muito provável residente, na grande mancha de Pinhal perto de Sagres (obs. em Maio em 2 anos seguidos). Foi sempre de passagem breve e não confirmei nidificação: não procurei ninhos nem ouvi crias, mas sei que estas podem ser extremamente silenciosas ou piam baixo quando bem alimentadas. Não só quando não têm fome "a curto prazo", mas também quando são regularmente bem alimentadas, "a longo prazo".
Essa mancha de floresta e os matos anexos ou sob ela, deviam ser preservados por diversas razões.

Dicas para a encontrar esta ave: 1- durante todo o ano, procurar "bolas" características sob os ninhos ocupados pela espécie (abandonados de búteo, açor, gralha, gaio, pombo-torcaz, só é pena que os 2 últimos possam ser reduzidos e quase invisíveis em eucaliptos ou pinheiros). 2- Durante a noite, os residentes adultos bem alimentados costumam reunir-se e permanecer numa zona restrita arborizada, vulgarmente pinheiros bem desenvolvidos com abundantes ramos laterais a média altura, e deixam por debaixo muito visíveis de dia se pouco chover (sobre solo clímax normalmente), dejectos brancos ou penas (desde Junho sobretudo) e mais dificilmente localizáveis as "bolas". 3- Observá-los durante a noite, pois são das rapinas nocturnas mais fáceis, com lanterna potente (foi o caso).


Toirão-do-mato:

"Não havendo qualquer evidência de que ainda ocorra regularmente em Portugal"

Há alguma evidência de que ocorra, mesmo irregularmente?
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1102
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Seg Jan 23, 2017 2:22 am

Tetrax tetrax: No litoral centro é anual em Peniche de Agosto a Setembro. no site está em Setembro, mas provavelmente são mais fáceis de ver em Agosto.
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Seg Jan 23, 2017 9:37 am

Semana de 23 a 29 de Janeiro - falcões

Ordem Accipitriformes
peneireiro-das-torres
peneireiro-vulgar
falcão-de-pés-vermelhos
esmerilhão
ógea
falcão-da-rainha
falcão-sacre
falcão-gerifalte  (categoria D)
falcão-peregrino

Total de páginas desta semana = 9
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por pedro121 em Seg Jan 23, 2017 10:08 am

Falco peregrinus: "Litoral centro – pode ser visto habitualmente no arquipélago das Berlengas, onde nidifica um casal, bem como no
cabo Carvoeiro. Fora da época dos ninhos aparecer com regularidade na lagoa de Óbidos."

Ele é residente na lagoa de Óbidos
avatar
pedro121

Número de Mensagens : 9398
Idade : 41
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Gonçalo Elias em Seg Jan 23, 2017 10:14 am

pedro121 escreveu:Ele é residente na lagoa de Óbidos

Residente no sentido de poder ser visto todo o ano, certo?
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 16987
Idade : 48
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grande revisão do portal avesdeportugal.info

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum