Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Ter Out 24, 2017 4:10 pm

No tópico dos lugres foi referido que estaria a haver movimentos anormais (isto é, superiores ao normal) de Pyrrhula. Por curiosidade, fui consultar os gráficos no ebird.

Os gráficos que se seguem contêm dados referentes a Agosto, Setembro e Outubro para os últimos 5 anos.

Quando olhamos para a totalidade do território nacional, o ano de 2017 não se destaca dos restantes: há um aumento de registos, mas que está em linha com os aumentos dos anos anteriores:



No entanto, o caso muda de figura quando segmentamos por regiões.

Por exemplo, seleccionando os distritos de Faro, Beja e Setúbal o resultado é este:



Mas se escolhermos Lisboa, Leiria e Coimbra o resultado é totalmente diferente:



Talvez ainda seja cedo para concluir alguma coisa mas a haver movimentação anormal ela parece estar a ser mais expressiva no sul.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Luis Silva em Qua Out 25, 2017 10:58 am

Eu não tenho metido grandes registos no ebird nos últimos tempos (a separação dos scirpaceus, as listas disparatadas, e menos tempo livre, desmotivou-me).

No Sábado passado estava um grupo de 9 juntos nas Penhas da Saúde e em simultâneo ouvia de outros pontos. Seriam no mínimo 10, mas pareceram-me bem mais já que se ouviam por todo o lado. Junto ao sanatorio também havia pelo menos 2.
Hoje num local visito regularmente desde 2011 também vi 5 em simultâneo (e mais uma vez provavelmente seriam mais). Neste sitio geralmente só aparecem quando está a primavera a chegar e não agora.

Luis Silva

Número de Mensagens : 491
Data de inscrição : 08/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Tissot em Qua Out 25, 2017 12:33 pm

Luis Silva escreveu:Eu não tenho metido grandes registos no ebird nos últimos tempos (a separação dos scirpaceus, as listas disparatadas, e menos tempo livre, desmotivou-me).

...como te percebo.
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1123
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Qui Out 26, 2017 11:15 pm

Não esqueçam a grande extensão de habitat que os incêndios arruinaram no Centro... é mesmo impressionante.
Nos últimos anos, deixo de os ver no fim do Verão (nos locais de cria), mas para o ano aposto que, ou não vou observar nenhum, ou será mais fácil encontrar casais nos fragmentos propícios que escaparam do fogo. Se é que posso chamar-los de propícios...


Última edição por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 12:45 am, editado 1 vez(es)
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 12:42 am

Já escrevi isto noutro tópico - acho que a questão dos incêndios está a ser sobrevalorizada no que diz respeito aos números de aves.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 12:46 am

Números, ou distribuição dos mesmos?
Bem... a área ardida é grande. Imensa...
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 8:02 am

Paulo Lemos escreveu:Números, ou distribuição dos mesmos?

Números.

Paulo Lemos escreveu:Bem... a área ardida é grande. Imensa...

Sim, é muito grande. Os estragos foram imensos. Agora vamos olhar para os números friamente.

Arderam 500 mil ha, cerca de 5% da área do país.

Se por hipótese todas as aves destas zonas se distribuíssem uniformemente pelo resto do território, haveria um aumento de 5% na densidade de aves. 5% de aumento não é uma diferença que qualquer um de nós consiga detectar - seria necessário um censo rigoroso e mesmo assim a diferença poderia ficar dentro da margem de erro.

Acresce que:
- muitas aves terão morrido
- uma grande parte das áreas que arderam foram pinhais, eucaliptais e matos, zonas relativamente pobres em aves
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 8:52 am

Pois, mais interessa saber como se distribuem agora as aves e se 5% não serão na verdade 50 nalgumas áreas.

Terá morrido muitas aves? Num vale que ardeu grave e completamente durante a noite, um Melro de água que costuma ser fiel ao ser dormitório, sobreviveu e continua a dormir no mesmo local, apesar de alterado. Não sei até que ponto os incêndios matam assim tantas aves, e isso poderá depender das espécies. Espécies de morcegos e os javalis andaram sempre a poucos passos dos meus (praticamente andámos todos juntos, a espaço supostamente seguro, no pior fim de semana). Morcegos caçavam, aproveitando o que as chamas quase cegantes afugentavam para o ar quente. Muitos animais pareciam calmos, "em casa", e não tão desorientados como tendemos a pensar. Uma percentagem dos animais deve morrer, mas será significativa a ponto de impacto grave nos números? A nível de habitat e consequências , concordo...

Matos, pinhais e eucaliptais são pobres em aves? Depende do local... e sobretudo depende das espécies vegetais presentes e dispersas em menor numero nos mesmos. Todos sabemos que a maioria dos terrenos, alguns pinhais e eucaliptais haviam sido abandonados à natureza e há muitas outras espécies vegetais de vários estratos nos mesmos, ricas em recursos e aves. E entre esses ambientes, havia focos de árvores autóctones e micro-habitats. Alguns deles tipicamente húmidos mas este ano muito secos (até zonas ripicolas arderam bem, entre "pinhais e eucaliptais", entre encostas e vales. Nas beiras, alguns "pinhais" ou "eucaliptais" eram já carvalhais, não em aspecto nem em numero de exemplares de carvalhos, mas como habitat para espécies que deles dependem. Espécies que dependem de "carvalhais" (ou de outras árvores) não necessitam obrigatoriamente de carvalhais e sim de carvalhos (sejam eles dispersos, é suficiente). O mesmo para salgueiros, amieiros, choupos, etc. "Pinhal, eucaliptal e matagal" são os ambientes que se viram mais ardido em PT, com muita biodiversidade presente. A biodiversidade mais interessante estava muito dependente daquilo que hoje se define "o problema da floresta: denso ou mesmo caótico mix de restos e espécies "combustivel". Eu diria que 2017 pode ter acabado com espécies de ocorrência residual... vamos ver.

Tens noção da quantidade de aves que havia no pinhal de Leiria? O Oeste é húmido, fresco. Comuns e omnipresentes, por ex. populações numerosas de tentilhão, tordoveia, chapim real, trepadeira-azul, pica-pau verde, pica-pai-malhado... FJá para não falar das raras, e mamíferos não frequentemente observados como o musaranho anão. Populações importantes de invertebrados, raros tão a Sul e tipicamente florestais.
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 9:15 am

Uma coisa eu digo: tenho pena que os programas de censos / monitorização de aves não sejam levados mais a sério neste país, porque neste momento haveria provavelmente muitos dados sobre as densidades de aves nas áreas que arderam e isto até seria útil para se poder medir o impacto de um evento desta natureza, assim como para monitorizar a evolução nos anos futuros.

Como não há dados, resta-nos conjecturar Smile
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 9:32 am

Dados não são tudo de importante, e deve-se contextualizar o que são dados.
E "não haver dados", não é bem assim.


Outra questão, será o impacto "pós-incendios".
Por agora, limpa-se as áreas "ardidas" com voracidade. Reparem bem. Tudo o "supostamente" ardido já dá entrada nas centrais (aliás, um dia depois de terminados os incêndios). Dezenas de grandes camiões carregados com madeiras supostamente mortas. E falta vir o resto, de novas gestões e afins, e uso desses pretextos para empobrecer ainda mais o ambiente florestal.
Basta ver as discussões sobre "floresta" pelo face, e ler (e ter lido, acompanhado) as noticias.

2017 foi uma calamidade.
Para a biodiversidade foi pior do que isso. Vastas áreas abandonadas ou mal cuiodadas, que se tinham visto recuperar por décadas, lentamente, com vegetação nativa à mistura, enquanto tantos factores directos e indirectos a vão reprimindo noutros locais mais pressionados...
Agora está quase tudo "pressionado", ou ardido e o futuro é negro.
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 10:32 am

Paulo Lemos escreveu:E "não haver dados", não é bem assim.

Se vais falar novamente dos teus dados pessoais, os tais que não partilhas, eu não mudo uma vírgula ao que escrevi acima.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 1:36 pm

Mas só eu ando no campo?! Não há "bases" algumas?

Neste caso discordo ctg a 500%...
Não só de dados (a rigor(?) recolhidos, ou por metodologias infalíveis(?)) , vive o conhecimento.

Esta discussão dava "pano para mangas", mas agora não me dá nada jeito Very Happy.
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 1:56 pm

Paulo Lemos escreveu:agora não me dá nada jeito Very Happy.

claro, claro, eu compreendo Twisted Evil
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 2:34 pm

Não dá jeito apenas porque teria antes de fazer uma série de pesquisas sobre os melhores termos técnicos (em estatística etc.), e consultar as mais actuais "tendências da moda Twisted Evil , em termos de conservação, etc...
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Tissot em Sex Out 27, 2017 2:56 pm

Paulo Lemos escreveu:Não dá jeito apenas porque teria antes de fazer uma série de pesquisas sobre os melhores termos técnicos (em estatística etc.), e consultar as mais actuais "tendências da moda Twisted Evil , em termos de conservação, etc...

claro...claro... Sleep
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1123
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 2:59 pm

Paulo Lemos escreveu:Não dá jeito apenas porque teria antes de fazer uma série de pesquisas sobre os melhores termos técnicos (em estatística etc.), e consultar as mais actuais "tendências da moda Twisted Evil , em termos de conservação, etc...

epá, pois, eu compreendo... agora a sério, não percas muito tempo com isso Twisted Evil
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por João Tomás em Sex Out 27, 2017 3:22 pm

Paulo Lemos escreveu:Dados não são tudo de importante, e deve-se contextualizar o que são dados.
E "não haver dados", não é bem assim. 

Infelizmente não os há para grande parte das espécies que habitam em Portugal (aves, mamíferos, répteis, anfíbios, etc) e sim, são fundamentais/ponto de partida para se fazer qualquer tipo de análise.
avatar
João Tomás

Número de Mensagens : 3360
Idade : 28
Local : Batalha
Data de inscrição : 26/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 3:29 pm

João Tomás escreveu:são fundamentais/ponto de partida para se fazer qualquer tipo de análise.

por outro lado retiram qualquer margem para a malta especular, que é tão fixolas Rolling Eyes
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por João Tomás em Sex Out 27, 2017 3:37 pm

Gonçalo Elias escreveu:por outro lado retiram qualquer margem para a malta especular, que é tão fixolas 

E com isso vive-se na base da especulação.
avatar
João Tomás

Número de Mensagens : 3360
Idade : 28
Local : Batalha
Data de inscrição : 26/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 4:00 pm

João Tomás escreveu:
Gonçalo Elias escreveu:por outro lado retiram qualquer margem para a malta especular, que é tão fixolas 

E com isso vive-se na base da especulação.

É verdade, e convenhamos que é uma maçada quando os factos vêm destruir as convicções da malta Twisted Evil
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 4:00 pm

Não estou a gostar do desenvolvimento desta conversa (de "surdos", como sempre). Será do titulo em tópico? Mas esta discussão abrange muito mais do que uma espécie.

Eu nunca iria fundamentar aqui nada, com dados ou observações minhas. Nem a conversa o exige.
O ponto por mim focado é o seguinte: discordo de que (supostamente) não haja dados suficientes para medir hoje o impacto dos incêndios nas populações de aves (a nível nacional e local). Teremos mesmo de olhar para avifauna nas zonas ardidas, antes de 2017, como uma folha em branco? Apenas conjecturar? Vá...

Há umas boas... "formulas", para se poder trabalhar o pouco (?) que existe. Passa pelo conhecimento dos habitats, de outras regiões melhor conhecidas, das espécies, de ecologia (agora está na "moda" Very Happy), etc, etc, etc. E, claro, testemunhos há com fartura, e NESTE CAMPO sim, falta investigação e nunca "dados". Sei bem do que falo, pois eu próprio uso esse recurso para investigar regiões e sei filtrar informação.

Folhas em branco? Não me parece. Até porque, sendo eventualmente os dados escassos, muitas espécies não seria avaliadas quanto aos seus mais justos estatutos de conservação, de forma plenamente eficaz e precisa (de facto), se não houvesse "volta a dar" aos mínimos "suficientes", quando o contexto permite.

O que se passa afinal? Mentes fechadas? Quiçá os censos/monitorização não passam afinal de politiquice e interesses, só para proveito de alguns (quando, e se, há apoios para mais do voluntariado, e isto é uma pergunta?). De facto sempre notei fica sempre muito trabalho por fazer, sem saber porquê.

Há uns bons anos atrás ( + - 2000) ofereci-me com "dados", e sabem o que aconteceu? A partir daí tenho pouca pachorra. Moro da pior terra possível nesse aspecto, e são muitos anos...

PS: da minha parte, e da parte de quem me baseio também para o dizer, esta época de incêndios foi calamitosa para a biodiversidade. Em várias regiões, se não todas, do país. Para aves inclusive. A informação a apresentar é tanta neste campo, tão vasta, complexa e recheada de exemplos completos, que até desmotiva...........
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Gonçalo Elias em Sex Out 27, 2017 4:10 pm

Paulo Lemos escreveu:discordo de que (supostamente) não haja dados suficientes para medir hoje o impacto dos incêndios nas populações de aves (a nível nacional e local).

Paulo Lemos escreveu:Há umas boas... "formulas", para se poder trabalhar o pouco (?) que existe.

Paulo Lemos escreveu:A informação a apresentar é tanta neste campo, tão vasta, complexa e recheada de exemplos completos, que até desmotiva...........

Onde estão esses dados, essas fórmulas, essa informação?

É que dizer que há sem apresentar nada de concreto, não serve de muito, pois não? Smile
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20025
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Paulo Lemos em Sex Out 27, 2017 4:15 pm

Há mais:
O que aconteceu ultimamente é, está a ser, e poderá tão mais grave do que em anos anteriores, que justifica uma avaliação preliminar e um comunicado de imprensa sobre o grave impacto na biodiversidade.
Faz mais sentido do que nunca, falar-se do futuro de áreas ardidas (e do restante território), no reconhecimento da biodiversidade como mais do que mero pretexto promocional, que tantas vezes não passa de enganoso, tanta conversa fiada recheada de equívocos.
Não duvido de que a investigação também o esteja... é o caos!
avatar
Paulo Lemos

Número de Mensagens : 1656
Local : Caldas da Rainha
Data de inscrição : 29/01/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Tissot em Sex Out 27, 2017 4:25 pm

Paulo Lemos escreveu:.... não passa de enganoso, tanta conversa fiada recheada de equívocos.

...huuuuum!!!! ... autocrítica???
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1123
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por João Tomás em Sex Out 27, 2017 4:33 pm

Paulo Lemos escreveu:Folhas em branco? Não me parece. Até porque, sendo eventualmente os dados escassos, muitas espécies não seria avaliadas quanto aos seus mais justos estatutos de conservação, de forma plenamente eficaz e precisa (de facto), se não houvesse "volta a dar" aos mínimos "suficientes", quando o contexto permite.


Eu só vou pegar nesta parte do texto. Então e de quando são os últimos estatutos de conservação das espécies? Há uma boa dezenas de anos... e mais qualquer coisita que não são actualizados. E como se podem actualizar estatutos se não há informação actualizada?
avatar
João Tomás

Número de Mensagens : 3360
Idade : 28
Local : Batalha
Data de inscrição : 26/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos anormais de Pyrrhulas?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum